Coleta de Óleo de Cozinha foi pauta de reunião na Secretaria do Verde e do Meio Ambiente

O óleo de cozinha, quando retido no encanamento, causa entupimento das tubulações e faz com que seja necessária a aplicação de diversos produtos químicos para a sua remoção. Se não existir um sistema de tratamento de esgoto, o óleo acaba se espalhando na superfície dos rios e das represas, contaminando a água e prejudicando a vida de muitas espécies que vivem nesses habitats.

oleo

Estudos apontam que com um litro de óleo é possível contaminar 20 mil litros de água. Se acabar no solo, o líquido pode impermeabilizá-lo, o que contribui com enchentes e alagamentos. Além disso, quando entra em processo de decomposição, o óleo libera o gás metano que, além do mau cheiro, agrava o efeito estufa.
Nesse sentido o Secretário do Verde e do Meio Ambiente, Gilberto Natalini reuniu-se com diversos especialistas na área para discutir um projeto, que além da conscientização da população, estudará a coleta e destinação final adequada do produto. O óleo reaproveitado pode ser utilizado na produção de resina para tintas, sabão, detergente, glicerina, ração para animais e até biodiesel.

About natalini

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.