O tema da Conferência P+L 2016 será Bairro a Bairro: São Paulo mais verde

Discutir e oferecer propostas práticas sobre Meio Ambiente e Sustentabilidade ao poder público é um dos objetivos da 15ª Conferência P+L e Mudanças Climáticas da cidade de São Paulo que será realizada no próximo 30 de junho.

156362_1021529857912629_194179540991463125_n

Nesta segunda-feira (14), na Câmara de São Paulo, o proponente e presidente da P+L, vereador Gilberto Natalini (PV/SP) reuniu-se com  apoiadores e parceiros do evento também interessados em preservar a vida, o meio ambiente e o bem-estar das pessoas, entre outros.
Com a finalidade de buscar saídas e fazer com que o Brasil e, em particular, a cidade de São Paulo, tenham melhores condições ambientais, inúmeros apoiadores farão, neste ano, parte da Conferência P+L. Entre eles representantes do CREA/SP, UNIFESP, Cetesb, Eco Universo, Plastivida, Sindusfarma, Abigraf, Mata Brasil, Siemaco, Sinduscon.
“A última conferência – a 14ª – foi um sucesso, reuniu, aproximadamente, 3 mil pessoas e mais de 300 parcerias na sede da APCD, gentil e gratuitamente, cedida pelo presidente da entidade, Adriano Forghieri. É um evento importantíssimo conhecido e respeitado, inclusive, fora do Brasil”, informou o parlamentar.
Nesta 15ª edição, que também será realizada na sede da APCD, várias iniciativas serão retomadas: “A campanha do lixo eletrônico (pilhas, baterias de celulares, por exemplo) e do isopor terão containers”, salientou Natalini ao informar que já houve 18 pontos de coleta em São Paulo e que, agora, a princípio, haverá um na Câmara paulistana e outro no parque do Ibirapuera.
O presidente da Conferência P+L falou sobre a escolha do tema deste ano: “O evento é uma discussão municipal sobre ocupação do espaço urbano relacionado com o meio ambiente e sustentabilidade; tudo que ocorre na cidade tem que, primeiramente, ser discutido no bairro.”

About natalini

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.